Clareamento Dental – Descubra as indicações

Clareamento Dental – Descubra as indicações

É importante procurar descobrir o motivo do escurecimento aparente dos dentes, uma vez que, com base no diagnóstico, serão determinados a técnica e o agente clareador a serem empregados, bem como a expectativa de clareamento a ser atingida.

Que pacientes são candidatos ao clareamento dental?

O clareamento é indicado para pacientes que buscam tratamento estético não invasivo, que podem ser inseridos em uma serie de situações clinicas e apresentam:

  • pigmentos superficiais adquiridos
  • pigmentos absorvidos que penetram na estrutura dental
  • pigmentos relacionados ao envelhecimento dentário
  • alterações de cor relacionadas a trauma ou necrose pulpar.

 

Existem limitações para o clareamento dental nas situações clinicas recém-citadas?

Os casos clínicos em que o clareamento é indicado podem apresentar limitações, quais sejam:

  • dentes com hipersensibilidade
  • pacientes com atividade de cárie ou problemas periodontais
  • dentes com descolorações severas (especialmente aqueles com forte pigmento acizentado);
  • pacientes não colaborativos (principalmente na técnica de uso caseiro da moldeira individual)
  • pacientes com situações especiais, como mulheres durante a gestação ou o período de amamentação
  • pacientes com expectativa não-realista

Que tipos de descolorações dentárias existem?

De maneira geral, as descolorações podem ser divididas em dois grandes grupos: os manchamento extrínsecos e os intrínsecos

 O que são manchas extrínsecas e como tratá-las?

São descolorações por materiais corante que aderem a superfície dental e podem ser provenientes de saliva, de bebidas ou de alimentos. Essas manchas superficiais são comumente removidas com abrasivos dentais.

 O que são mancha intrínsecas e quais os principais causadores?

As descolorações intrínsecas são manchas encontradas no interior do esmalte/dentina (tecido dentário). Podem ser ocasionadas por pigmentos penetrantes (flúor em excesso, nicotina, tetraciclina), por alterações da dentina e do esmalte de natureza fisiológica (desgaste e hipermineralização por envelhecimento), por trauma (devido a necrose ou calcificação pulpar) ou por defeitos de formação congênitos (amelogênese e dentinogênese imperfeitas) ou adquiridos.

 

Qual o escurecimento dental de mais difícil tratamento?

Dentes escurecidos na cor cinza e marrom, em geral, são de mais difícil clareamento quando comparados a dentes naturalmente escurecidos, que se apresentam em tons de amarelo e alaranjado. Os dentes escurecidos por tetraciclina (antibiótico) são os que apresentam as cores mais carregadas (cinza e marrom) podendo apresentar bandas de escurecimento que também predizem um prognóstico menos entusiasmante. A literatura não descreve o motivo dessa maior dificuldade.

Quais as situações clinicas mais favoráveis para o clareamento dental?

Sem dúvidas, aquelas pacientes que apresentam os dentes naturalmente escurecidos ou que possuem dentes com escurecimento dental fisiológico, ou seja, ocorrido em função do tempo e da exposição a pigmentos.

E agora que você já sabe quais são os tipos de manchas podemos escolher qual a melhor técnica para você: clareamento dental caseiro ou clareamento dental em consultório. Abaixo você encontra o link de contato para juntos acharmos o melhor tratamento para você. 

Gostaria de saber mais? Agende sua consulta agora mesmo com o Dr. Leonardo Clique aqui.

Related posts

×